top of page
_wider-Website-Background-Homepage-larger.jpg
PORTWebsite Background Homepage Winner.png

Isto é mais que um filme, é um movimento.

Website-element---graphismo-borders.jpg
Netflix Banner Somos Guardiões

ASSISTA NA NETFLIX AMÉRICA LATINA AGORA!

O FILME
Uma jornada de esperança em meio à crise

No coração da Amazônia brasileira, milhares de pessoas estão invadindo ilegalmente terras protegidas, devastando árvores centenárias para exportação e explorando recursos raros. É uma questão crítica que nos afeta a todos.
Conheça os guardiões da floresta indígena brasileira Marçal Guajajara e a ativista Puyr Tembé. Eles se destacam como sentinelas, lutando incansavelmente para proteger seu lar do avanço implacável do desmatamento. Ao lado deles, encontramos um madeireiro ilegal, preso em uma luta desesperada para sobreviver, que não vê meios alternativos de subsistência, e um proprietário determinado a preservar o rico ecossistema em sua propriedade, buscando incansavelmente respostas das autoridades locais, mas encontrando apenas silêncio. Através desse mosaico de perspectivas, vemos as conexões econômicas com os mercados que ligam produtos derivados da região amazônica aos consumidores ao redor do mundo.


Essa é a poderosa narrativa no cerne de "We Are Guardians" - uma história de esperança e resiliência em meio a uma crise que se desenrola. Dirigido por Edivan Guajajara, Chelsea Greene e Rob Grobman, e produzido pelo vencedor do Oscar Fisher Stevens, com Leonardo DiCaprio atuando como Produtor Executivo, o filme é uma exploração do espírito humano e de nossa responsabilidade coletiva em proteger o frágil equilíbrio de nosso mundo. Ele ilumina, em última análise, o caminho a seguir, onde a esperança e a união podem nos guiar em direção a um futuro melhor para a Amazônia e nosso planeta.

WAG-Marcal-banner-website-premiere.jpg

exibições

optimized---graphismo-borders.jpg

Um tesouro global que vale a pena proteger

A Floresta Amazônica é crucial para a vida de todos os seres humanos na Terra. As florestas tropicais cobrem menos de 3 por cento da superfície da Terra, no entanto, são essenciais para a estabilidade do clima e para a regulação dos padrões globais de chuva. Em 2022, o desmatamento e os incêndios atingiram o nível mais alto em 15 anos na Amazônia brasileira. É imperativo que o mundo reconheça a importância da Amazônia antes que seja tarde demais.

no-people-Banner-become-a-guardian-impact-page.jpg

blog de impacto

SE INSCREVER
E ENTRE EM CONTATO

  • Instagram
  • Facebook
  • Youtube

Junte-se a nós nas redes sociais:

Obrigado por enviar

bottom of page